Entrada da noiva de barco para casamento no jardim - Meio do Mato

 

Momento mais aguardado de uma cerimônia de casamento, a entrada da noiva pode ser romântica e totalmente inesperada. Tabatha Garcia decidiu surpreender o seu noivo e todos os convidados chegando de barco, após atravessar o nosso lago.

Com a cerimônia ao ar livre montada no Deque Manu e um portal posicionado ao final do caminho, o mais comum seria que a noiva chegasse atravessando o jardim. Mas Tabatha queria ser diferente e ousada. “Todos ficaram com muitas expectativas me esperando chegar pelo jardim. Quando eu cheguei com o barco no lago, ficaram admirados! Foi incrível demais!”, relembra.

 

Surpresa para o noivo

Quem não conseguiu conter a emoção com a surpresa foi o noivo, Oscar Aguilar. “Eu jamais imaginava que ela fosse entrar por ali. Não acreditei quando vi. A música do violino parecia que estava no mesmo compasso do barco”, conta, fazendo referência à trilha sonora especial de Lorenza Pozza.

Para Oscar, foi um dos melhores momentos do casamento. “Comecei a pensar que ela estava pronta para me surpreender, não só ali, mas no decorrer da nossa nova vida. Foi um misto de sentimentos muito grande e me emociono sempre que lembro”, revela.

 

 

A primeira entrada da noiva de barco

Ao longo de quase dez anos, já tivemos ensaios fotográficos e gravações no lago, mas Tabatha foi a primeira noiva a fazer sua entrada de barco por ali. A ideia inusitada foi elaborada em conjunto com seu amigo e fotógrafo Gabriell Fernandes.

“Quando estava decidindo a estrutura do casamento, levei o meu fotógrafo para fazer a visita técnica e conhecer o local. Começamos a trocar várias ideias e foi quando surgiu a proposta da entrada de barco”, explica.

Tabatha cruzou o lago de barco sozinha, apenas acompanhada por seu barqueiro. Na margem, a poucos metros do local da cerimônia, encontrou seu pai e foi conduzida até o Deque Manu. Ali, finalmente passou pelo portal decorado onde todos estavam esperando vê-la.

 

 

Uma festa de casamento no jardim

Estilista, Tabatha planejou tudo nos mínimos detalhes. A ideia era fazer um casamento em estilo Boho, totalmente ao ar livre e com o astral leve. Uma das escolhas que mais chamou atenção visual foi a decisão de uma festa all white, em que todos, convidados e staff, usaram branco. “Acho incrível essa energia do branco, é lindo, é harmonioso e tem pureza!”, explica.

Seu visual também foi cuidadosamente pensado. O vestido de noiva do Ateliê Só Nupcias foi desenhado exclusivamente para ela. Já o seu véu de pirata, segundo Tabatha, é um revival de um modelo dos anos 20, preso com dois nós atrás da cabeça. “O véu deu um toque moderno, mas vintage, ao look nupcial”.

Na festa de casamento, um dos pontos altos foi a pista de dança ao ar livre. No gramado, sob um céu de estrelas e gambiarras, Tabatha e Oscar tiveram sua primeira dança ao som de Lorenza Pozza. Em seguida, convidaram os amigos e as famílias para aproveitar a noite, na pista comandada pelo DJ Leandro Mendes da BPM Audio.

 

 

 

Por Katryn Dias
Fotos Gabriell Fernandes
Vídeo: NA Vídeos