Se você está pesquisando sobre casamentos, com certeza já clicou em alguma publicação do Lápis de Noiva. Provavelmente, até segue o blog e fica de olho nas dicas das irmãs Junia e Lorena. O que você não deve saber é que a história do blog está diretamente ligada à história do sítio. Tudo começou sete anos atrás.

E o primeiro capítulo foi um casamento super personalizado, em 2011. Pela primeira vez, fizemos um evento totalmente ao ar livre, com festa e cerimônia no jardim. E cheio de pequenos objetos de decoração DIY, com bancos de feno, máquinas fotográficas espalhadas pelo mobiliário, além da noiva entrando de bicicleta! Esse foi o grande dia da fotógrafa Junia Lane.

Cerca de um ano depois, a família voltou para mais um casamento com personalidade. A irmã Lorena Rodrigues quis casar sob a Congeia florida, com piano no jardim, muitas gambiarras e mesas ao ar livre.

Esses foram os primeiros passos em direção ao mundo dos casamentos, do qual elas nunca mais saíram. Para contar essa história com todos os detalhes, conversamos com as meninas do Lápis de Noiva. Leia a conversa completa e veja as galerias de fotos:

 

Dois casamentos personalizados

Meio do Mato: Como foi o primeiro contato de vocês com o mundo dos casamentos?

Lorena Rodrigues: Foi na época em que a minha irmã Junia resolveu se casar e começou a ter muitas ideias diferentes. Ela já era fotógrafa de casamentos e não queria um casamento tão tradicional, queria personalizar bastante. Na época, achei tudo muito confuso, não entendia como tudo ia se encaixar na decoração. Eu já tinha ido a alguns casamentos, mas nunca fui dessas apaixonadas, que ficava me imaginando de noiva…

Mas o casamento da Junia foi tão lindo, tão mágico, tão diferente e especial que fiquei encantada! O casamento aconteceu no sítio Meio do Mato e foi o primeiro com a cerimônia no campo. Meses depois, fui pedida em casamento e iniciei minha jornada de noiva, que eu não sabia que ia ser assim tão eterna. Virei uma noiva super participativa, abracei essa profissão noiva e aproveitei cada segundinho dos preparativos, que foram até rápidos, em torno de cinco meses eu organizei tudo.

MM: Como foi a experiência de colaborar com a produção do seu casamento e o da sua irmã?

Junia Lane: Casamento é para ser exatamente uma experiência diferente, de união, de força e muito amor. Ter as minhas duas irmãs fazendo cada detalhe do casamento, colocando a mão na massa e fazendo parte de todo o processo, trouxe um significado muito maior para o meu casamento. Quando chegou a vez delas, não foi diferente, a família inteira se uniu para realizar o sonho. Deu certo e foi muito emocionante.

LR: Foi simplesmente incrível poder participar de todas as etapas da produção do casamento e até colocar a mão na massa. Foi muito especial. Hoje eu não conseguiria fazer tudo o que fiz (risos). Mas na época a gente pode envolver toda a família. Isso fez a diferença no dia do casamento.

MM: Alguma memória especial dessa época de preparativos?

LR: Nunca vou esquecer que a equipe do sítio reservou um espaço para que a gente pudesse fazer e guardar as coisas do nosso casamento. Meu pai passou um tempo ali montando as peças, pintando e lixando o piano… Fomos várias vezes ao sítio e fizemos pedidos especiais que foram sempre atendidos. Escolhemos casar no campo, totalmente ao ar livre, com iluminação diferenciada e compraram nossas ideias. Foi muito legal a participação de toda a equipe nesse processo. Por isso nós temos um carinho grande pelo sítio e todas as pessoas que trabalham lá estão guardadinhas em um lugar especial aqui no coração. Hoje é muito gratificante conhecer outras noivas que se casaram aí justamente porque a gente passou esse carinho. Quando a gente fala do sítio, não é uma propaganda, é realmente de verdade, do coração mesmo.

 

Um blog sobre casamentos

MM: Como surgiu a ideia de criar o Lápis de Noiva?

JL: A ideia de fazer um blog de casamento surgiu na época do meu casamento, mas pela falta de tempo seria impossível fazer sozinha! Convidei a Lore, no início ela foi bem resistente, mas depois que ela passou pela experiência pessoal de ser noiva o coração foi totalmente preenchido e foi tudo uma questão de tempo… ela se rendeu e nunca mais quis parar de falar sobre casamento.

LR: A ideia de começar a escrever surgiu durante os preparativos para o meu casamento, em 2012. A Junia, que é minha irmã e sócia, me deu a ideia de escrever, já que eu estava vendo tanta coisa para o meu casamento. No primeiro momento, achei que não tinha nada a ver. Eu sou advogada e achava que depois que acabasse o casamento, ia voltar a fazer minhas coisas. Mas depois que acabou o casamento, me senti órfã. Continuava vendo tudo sobre casamento, visitando sites… E os amigos começaram a me pedir para postar o meu casamento e falar sobre os preparativos, explicar como eu fiz isso ou aquilo…

MM: Então seu casamento foi essencial?

LR: Com certeza. Fazer parte de todos os processos do casamento foi o que gerou o blog, porque ficamos muito empenhadas. Acredito que todas as noivas tinham que passar por essa experiência. Talvez não desse jeito tão intenso, mas participar mesmo dos preparativos e fazer parte das escolhas, não deixar totalmente na mão de uma assessora.

MM: No início, qual era a proposta do blog?

Junia Lane: A ideia do blog sempre foi muito simples, ajudar outras noivinhas nessa fase dos preparativos, de  forma que elas se sentissem amparadas, seguras e bem referenciadas. O blog sempre foi um lugar especial para falarmos das coisas que mais amávamos, de maneira leve e bem intimista. Assim fomos conquistando e cativando a atenção de quem estava prestes a casar.

 

Lápis de Noiva + Meio do Mato

MM: O Meio do Mato contribuiu para o blog? Como?

JL: O Meio do Mato é inspirador, traz paz, enche o coração de amor e de vontade de casar! O sítio fez parte dos nossos sonhos para o grande dia, e hoje podemos compartilhar com outras noivas através do blog. Ter o Meio do Mato como nosso parceiro e fornecedor é natural, é verdadeiro porque amamos esse lugar mágico.

LR: O Meio do Mato é uma inspiração pra gente. Esse lugar tem magia e encanto! Sempre lembro do meu grande dia e do carinho de todas as pessoas da equipe. Não tem como não relacionar o Meio do Mato ao nosso casamento e à nossa vida profissional. Vocês fazem parte do nosso começo. Vocês apoiaram nosso casamento, acho que isso foi o maior diferencial. Foram fornecedores do “sim”, como chamamos aqui no Lápis de Noiva, fornecedores que abrem as portas e tentam fazer o máximo.

 

Casamento Junia

 

Casamento Lorena

 

Por Katryn Dias
Fotos Renata Marques e Gustavo Gaiote

GOSTOU?

SOLICITE UM ORÇAMENTO
AGENDE UMA VISITA